BAH

Posted in Uncategorized on Fevereiro 2, 2013 by LolittaNeko

Hmmmm eu fui parar a este video, eu nem acredito o que tá escrito no numero 20 xD

A minha escolinha :)

Posted in Uncategorized with tags , , , , on Janeiro 26, 2013 by LolittaNeko

A minha escolinha está cheia de p*utas bajuladoras (…) Dão presentes aos stores para lhes subirem a nota e para serem beneficiadas coitaditas, elas não conseguiriam sozinhas. Para além de serem assim, ainda falam mal das outras colegas e colegas, dizem que “a gente” copia, MENTIRA, mas os professores tapados pela beleza ( e compotas) destas gajas, preferem acreditar nelas, baixando e rebaixando os outros alunos. Pois é meus amigos, é assim que funciona uma escola privada. E como se não bastasse ainda temos que levar com as boquinhas delas ( ai ela é tão burra…..)~agindo como se as minhas notas não fossem por causa delas~ UM DIA TAMBEM BAJULO. Mas como?

———————————————————————————

COOK’N’KILL

∞ 1 oz.Rat Poison

∞ 1/2 oz. Meta-Cyonide

∞ 1/2 oz. Fex-M3

∞ 1 cup of Tiberium

∞ 7 oz. flour

Shake and Stir

GOOD LUCK WITH YOUR KILL

————————————————————————————–

E faço um grande sucesso com o meu prato de morrer (HAHA)! Devia era servi-lo aos swaguistas…sem ofensa Miguel.

Losing my religion..

Posted in Uncategorized with tags , , , , on Janeiro 5, 2013 by LolittaNeko

Sinceramente, é o que todos estamos a perder…

Aula de Matemáti(quinha)

Posted in Uncategorized on Dezembro 24, 2012 by LolittaNeko

Como se deve tratar uma menina!

Posted in Uncategorized with tags , , , , on Dezembro 24, 2012 by LolittaNeko

Primeiro que tudo, isto aqui é um guia para rapazes que eu encontrei, algures, mas que li e até está bem explicito. Realmente. com este post, saberão o que fazer em quase todas as situações!

– quando ela olha para a tua boca, beija-a.
– quando ela te empurra & te bate como uma maluca só porque pensa que é mais forte do que tu, agarra-a & não a deixes.
– quando ela tiver com ciumes chama-a de princesa & diz qe a amas imenso.
– quando ela começa a resmungar contigo & agir mal, beija-a e diz-lhe que a amas.
– quando ela estiver silenciosa, pergunta-lhe o que se passa.
– quando ela te ignora, dá-lhe a tua atenção.
– quando ela se afasta, puxa-a de volta.
– quando ela olha para si mesma & apenas vê o seu pior, diz-lhe que ela é linda.
– quando a vires a chorar, apenas abraça-a & não digas nada.
– quando a vires a andar, aparece atrás dela & abraça-a pela cintura.
– quando ela estiver assustada, protege-a.
– quando ela te roubar a tua camisola favorita, deixa que ela fique com ela durante a noite.
– quando ela brincar contigo, brinca também com ela e fá-la rir.
– quando ela não te responder por um longo período de tempo, assegura-te que tudo está bem.
– quando ela olhar para ti em dúvida, enche-te de certezas.
– quando ela segurar as tuas mãos, segura as delas & brinca com os seus dedos.
– quando ela te contar um segredo, guarda-o & não o contes.
– quando ela olhar para os teus olhos, não desvies os olhos até que ela o faça.
– fica ao telefone com ela mesmo que ela esteja calada.
– quando ela estiver zangada, abraça-a forte & não a deixes.
– quando ela disser que está bem não acredites, conversa com ela.
– telefona-lhe à meia noite no dia do seu aniversário & diz que a amas.
– trata-a como se ela fosse tudo o que te é importante.
– vê com ela o seu filme preferido mesmo que o aches estúpido.
– deixa-a usar as tuas roupas.
– quando ela estiver aborrecida, vai sair com ela.
– não fales acerca de outras mulheres à beira dela.
– quando ela for ter contigo a chorar, a primeira coisa que deves dizer é: “a quem devo bater amor?”

Shitty Swag Music OMG

Posted in Uncategorized with tags , , , , , , , on Dezembro 21, 2012 by LolittaNeko
I love rock bands, or grunge bands, love their style! Nowadays, people in my age ( teens) like reggae or hip hop and stuff. Well, i think they’re really stupid! They think they are the best and that they can do whatever they want! They are all the same, it’s the most dumb think I’ve ever seen. In Portugal, they all look the same way, and say that everyone is different o.O I look on every street and there they are….They look at me differently and think that i’m kind of a monster because I don’t look like them! Talk about Swag and shitty music, i don’t really know if they know what real music is! In fact, some of them can’t write a text or don’t understand english like me. I DON’T LIKE LIVING IN THIS FUCKING CENTURY! So, i take all the blame for posting all the rock bands i know and not post swag or one direction’s shitty music or people smoking and drugging themselves or girls showing their asses or things like that. Alright thank you for reading this!    

Como é que isto foi acontecer…

Posted in Uncategorized with tags , , , , , on Dezembro 19, 2012 by LolittaNeko

Perguntaram-me se sinto a tua falta, e eu disse que não. És tudo uma grande mentira, pois bem, menti para mim mesma. Logo veio a confirmação, meus olhos encheram de água e a lágrima escorreu. Naquele estante percebi que já teria sido forte demais, a partir dali serio incapaz de segurar o que sentia. Estava escondido esse tempo todo e apenas uma pergunta foi o suficiente para que todos sentimentos dolorosos se soltassem. Sentia-me desfeita por não ser suficientemente forte  para aguentar tudo aquilo. Palavras e conselhos eram ditos mas nenhum deles eram o suficiente, a dor já tinha tomado conta de mim, nada que pudesse ser dito faria diferença. Pude perceber que nada teria mudado. Não teria suportado aquilo por si só, na verdade não fui forte o suficiente. Tu és mais forte,venceste-me, tinhas esquecido de tudo o que passámos e eu ainda continuava na mesma. Ainda estava no poder da ilusão, coisas sobre ti ainda me fascinavam. Mas e tu? Já estavas  noutra, completamente diferente da minha vidinha, libertei-te,aproveitas-te e por fim, abandonaste-me. Deixas-te de herança o que deverias ter levado. Estou errada não é? Eu que sou incapaz de te esquecer, incapaz de deixar de gostar, incapaz de te ver feliz com outra pessoa. Estou errada sempre, faço escolhas sem me importar com as consequências dos meus atos. A questão é que tu fazes o que fazes e ainda consegues a razão, fazes o que fazes e quem sai de estúpida? Eu, porque, foi eu mesma que fugi, eu mesma que te larguei, eu mesma que só te usei. Faz de bonzinho agora, menino inocente que está feliz agora. Porque? Por que me usaste? Por que passamos por isto mais uma vez? Porque é que tudo é tão clichê? Espera, como de costume devo perguntar, sou uma boneca? Porque pareço sabes, só soubeste usar-me e deixaste as sobras aqui, quebraste a boneca em pedacinhos. A boneca já não tem braços e pernas, até é engraçado dizer que é aleijada. Pronto, ganhei um novo nome, “boneca aleijadinha”, conheces? Claro, já foi tua. E nisto tudo, percebi que eu nunca, mais nunca consegui esquecer-te. Depois de tudo, ainda vou chorar, ficar noites sem dormir, ver imagens de nós dois pela milésima vez, lembrar-me e não poder fazer absolutamente nada. Como são as coisas, depois de uma lágrima caída, milhares delas puderam vir atrás. Pode ver que estou, sempre fui, frágil demais. Não tenho poder de rejeição e muito menos consigo resistir a ti, é estranho e horrível. É a sensação de não quero querer-te mas quero-te imenso. Pois bem, por querer tanto esquecer-te, ao mesmo tempo, quero-te perto de mim, tu sempre me deixaste assim, confusa. Aliás, consegues deixar-me confusa e ainda sair da minha vida sem me deixar escolhas. Pensando bem, mesmo tendo escolhas não poderia escolhe-las, irias deixar-me da mesma forma. Queres que eu aprenda rápido, como é ser trocada? Queres que eu resolva a minha vida sei me lembrar de tudo? Queres que eu faça de conta que tudo não passou de uma simples paixoneta ? Pois então, vou seguir o teu conselho, vou viver minha vida. Tem a certeza que esquecerei de tudo, olharei para ti com desprezo e assim tu serás apenas mais um. Nada foi suficiente, pois claro, não me ajoelharei para que fiques, até porque não faria diferença. Devo seguir em frente, seguir seu irônico conselho, vou usar o que me deixaste. Vou dar uma chance a mim, vou cuidar de mim e foda-se o clichê. É preciso deixar certas coisas para trás, ou então deixar tudo intacto e viver pelo resto da vida lamentando pelo que deixei  acontecer. De duas opções, eu escolho o que é melhor para mim, ser livre enquanto posso, aproveitar enquanto há chances para isso. Pois daqui um tempo tudo não passará de uma historinha para se contar.